08/08/2014

Liquidação Total

As notícias que saíram hoje sobre os empréstimos dos 3 jovens jogadores da formação doBenfica,  foram a gota de água que fez transbordar o copo de todos os que vinham alertando para a péssima gestão desportiva que o Benfica vinha fazendo nesta época. Mesmo para aqueles que apoiam incondicionalmente Vieira e Jesus, depois das derrotas em Londres e destes empréstimos, também já não conseguem fazer mais do que simplesmente encolher os ombros.

Uma vez que estes empréstimos são,  do ponto de vista desportivo, uma imbecilidade absoluta,  só nos resta concluir que isto não é mais do que uma venda encapotada para não chocar ainda mais os adeptos depois de tantas saídas. O escândalo que é o facto de saírem os três para clubes depósito de Jorge Mendes diz quase tudo assim como o facto de irem para clubes onde dificilmente acumularão minutos (pelo pouco que percebo de futebol, este é normalmemte o objectivo dos empréstimos). Fico especialmente triste por não ter a oportunidade de ver Bernardo Silva evoluir pois era aquele que tinha mais curiosidade em ver jogar na equipa principal e que, depois de ver duas ou três jogadas, acredito que tem aquele toque de bola que distingue os grandes jogadores do resto.

Sendo uma venda encapotada, podemos ver de três formas (apesar de serem todas péssimas,  uma consegue ser pior do que a outras):
- o Benfica teve que vender as suas promessas, que não conseguiriam ser já solução para o onze inicial, para contratar jogadores que dessem garantias imediatas;
- a forma de evitar a venda de Enzo e/ou Gaitán,  passava pela venda dos 3 putos;
- o buraco financeiro é de tal ordem, por força da não renovação dos empréstimos junto da banca e especialmente BES, que é necessário vender tudo o que valha alguns milhões.

Não deixa de ser triste ver a formação ser despachada sem sequer render desportivamente mas seria suportável se fosse a forma de continuar a ganhar. Não festejaríamos menos no Marquês e apenas teríamos muita pena de não ver um grande jogador que sofre pelo Benfica como qualquer um de nós (marcou presença em vários estádios do país como um mero adepto na última época) a espalhar magia no Estádio da Luz mas sim noutro clube do Mendes qualquer. No entanto tudo me leva a crer que estamos longe de estar a seguir o caminho do sucesso.

Em dias como este, sinto-me especialmente ludibriado e desconsiderado por quem comanda os destinos do meu clube. Mesmo numa situação financeira que todos dizem mais aflitiva,  vejo o Bruno de Carvalho recusar propostas de 12 M por Rojo e outra proposta por Slimani. No Benfica é a tristeza que se vê...

3 comentários:

  1. "...vejo o Bruno de Carvalho recusar propostas de 12 M por Rojo e outra proposta por Slimani."

    E você acredita no Bruno de Carvalho? Não admira que seja susceptível de ser ludibriado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mete a cabeça na areia que assim os problemas desaparecem.

      Eliminar
  2. É o problema de acreditar mais facilmente que um dos melhores defesas esquerdos do mundial, que foi elogiado pelo melhor treinador da época passada e titular da selecção finalista do mundial vale 12 milhões do que o central da equipa campeã nacional, finalista da Liga Europa e selecção vencida do mundial valer apenas metade disso.

    ResponderEliminar