05/09/2013

O comunicado e notas sobre os rivais

1. Bruno de Carvalho anunciou ontem que no final desta semana será feito um comunicado em que serão explicados os casos resolvidos ao longo do defeso. Percebe-se a espera: há esperança na resolução dos casos de Evaldo, Labyad, Jeffren e Bojinov até amanhã. Quanto à iniciativa, e partindo do pressuposto de que a montanha não irá parir um rato, parece-me muito boa. Aguardemos então pelo comunicado para um balanço finalíssimo.

2. É certo que JJ, no final da época passada, foi um dos responsáveis pelo arrastamento do Benfica para um terrível pesadelo. É também certo que JJ, neste início de ano, tem cometido alguns erros que parecem demonstrar alguma desorientação. É igualmente certo que os sócios e adeptos do Benfica estão divididos quanto ao apoio a JJ. Mas eu insisto que o homem faz milagres. Porque a gestão das últimas pré-épocas do Benfica não faz qualquer sentido e o Benfica, ainda assim, disputa campeonatos até ao final e tem feito campanhas europeias notáveis. Graças ao futebol que pratica (mérito de JJ) e à capacidade do treinador de inventar recursos onde não os há (o ano passado fez de Melgarejo defesa esquerdo, fez de Enzo médio-centro, compatibilizou Lima com Cardozo e "apenas" transformou Matic num médio-defensivo ao nível dos melhores da Europa). Nesta pré-época, apesar de o Benfica ter aparentemente investido onde efetivamente precisava (DE, alternativas a Matic e Enzo), fica ainda assim muita coisa por perceber: o caso Cardozo, as contratações de Pizzi, Fariña e Lisandro, o empréstimo de Silvio - aparentemente - já lesionado, as não inscrições de Cortez e Funes Mori (e são apenas alguns exemplos). Se JJ no meio disto tudo voltar a disputar o campeonato e fizer campanha europeia ao nível das anteriores, seja qual for o ambiente no balneário, não há como negar o mérito do treinador. Isto dito, os benfiquistas querem títulos e se JJ nada ganhar vai à vida dele. Mas a continuarem com esta organização, vamos ver que treinador consegue fazer o que JJ fez no Benfica.

3. Em contraponto, este ano o FCP fez uma pré-época muito tranquila (salvo aquela derrota azarada com o Galatasaray onde o FCP falhou dois penalties). Vendeu cedo e por valores suficientes para se organizar calmamente depois. Contratou/reintegrou jogadores para as posições em que efetivamente estava necessitado (DD/DE, MD, MC, EE/ED, AV) - isto sem prejuízo do habitual contentor de contratados para emprestar, seguindo uma estratégia que há muito conhecemos e de que já falei aqui várias vezes (a ver vamos se em Janeiro o Carlos Eduardo, por exemplo, não acaba a reforçar o necessitado Paços de Ferreira). E estava a jogar muito bem. No entanto, deixem-me dizer o seguinte: quer em Setúbal, quer em Felgueiras contra o Paços de Ferreira, aquilo não foi nada fácil. E se em Felgueiras o Jackson desperdiçou algumas 5 claras oportunidades de golo, em Setúbal na primeira parte o Porto tremeu e muito (este ano estou a gostar muito do Vitória e já o tinha dito antes de ganharem 4-1 em Guimarães). Claro que o FCP, como todos sabemos, beneficia da sorte de nunca ser prejudicado por arbitragens (o que é diferente de ser beneficiado por elas - o que às vezes também sucede, juntando-se a fome à vontade de comer). Mas a jogar como jogou em Setúbal, antecipo que o FCP vai perder mais pontos do que no ano passado. Ainda assim, é o grande favorito à vitória final.

4. Quanto ao Braga - que antecipo seja o rival direto do Sporting na luta pelo 3º lugar - começou muito bem (já na pré-época tinha estado bem e inclusivamente tinha ganho ao Sporting) mas um jogo arrogante e desleixado contra uns romenos de 2ª linha parece ter feito abanar toda a confiança, ao ponto de perderem em Barcelos contra um Gil Vicente a jogar com 9 (sendo o golo marcado num lance de bola parada em que estão 8 jogadores do Braga dentro da área e 2 do Gil Vicente...). Se o Braga não endireitar rapidamente, e nós continuarmos neste ritmo de evolução, creio que teremos melhores hipóteses do que o Braga na luta pelo 3º lugar. Disso dependerá - e muito - a nossa capacidade de reagir às derrotas (e elas vão surgir, como é óbvio). Que o Braga reagiu muito mal, disso não tenho dúvidas.

4 comentários:

  1. Há coisas que nunca mudam:

    http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=425972

    Ah e tal deve recuperar...pois, pois.

    ResponderEliminar
  2. Mais um clássico (que faz sentido no âmbito da tal estratégia)

    E se fizer uma boa época lá volta ele ao Dragão por troca com 2 chassos e um treinador amigo

    ResponderEliminar
  3. O único treinador q lhes faz frente eé o Pedro Emanuel.
    Não sei pq...

    ResponderEliminar
  4. Aguardo com muita curiosidade a sua análise ao comunicado da Direcção do SCP relativamente a Bojinov, Labyad, Evaldo e Elias. Parece haver um ensandecimento da Direcção, por vezes. Outras vezes, que estes jogadores são uns incumpridores empedernidos. No meio estará a verdade desta problemática?
    Acrescento outro tópico: aparentemente Eric Dier recusou-se a renovar. Por razões financeiras, obviamente. Não são essas razões que levaram outros a cair em "desgraça"?

    ResponderEliminar