24/09/2013

Começa a aquecer!

O ambiente começa a aquecer logo à 5ª jornada.

Quatro jogos polémicos (sim, são quatro), com motivações (e mediatismos!) diferentes:

1. No Sporting-Rio Ave, um penalty indiscutível, ao alcance da visão do árbitro e do fiscal-de-linha, não foi assinalado. Leonardo Jardim, e muito bem, evita desculpar-se com arbitragens porque o Sporting jogou francamente pouco (e o Rio Ave jogou francamente bem). Como fui dizendo a alguns amigos que não aceitaram as declarações do nosso treinador tão bem quanto eu, faltou só uma pequena nuance: assinalar que não comentava por se tratar de um só lance e não de todo um jogo repleto de patifarias. Pois bem, Bruno de Carvalho, com quem tenho estado 100% de acordo relativamente à postura perante as arbitragens, subiu ontem esta percentagem para 110% ao dizer precisamente isso - destaco esta parte: "quando o árbitro se enganar, desde que não seja um disparate durante o jogo todo, o que temos de fazer é jogar melhor e marcar mais golos". Há dois pontos em que a minha identificação com o presidente do Sporting é total: este tema da arbitragem e a postura perante os adversários, em particular o FCP. Nestes dois aspetos, tenho que confessar que já aguardava por um presidente assim há muitos anos.

2. No Guimarães-Benfica, diga-se em abono da verdade, a arbitragem também não foi particularmente feliz, sendo o Benfica o principal prejudicado (se aos 11 segundos Maazou fosse expulso ou pelo menos amarelado, por exemplo, creio que ninguém ficaria particularmente chocado). Mas o Benfica ganhou e tudo passaria entre os pingos da chuva não fosse o meu consócio JJ ter "perdido a cabeça". E porque "perdeu" Jesus a cabeça? Muito simples: sabendo que o início de época não está a convencer, e que tem ainda muitos adeptos contra ele, Jesus quis aproveitar o momento para se colocar, simbolica e literalmente, ao lado dos adeptos. É que, infelizmente, nem todos os adeptos do futebol (e é claro que isto não se aplica só aos do Benfica) têm a lucidez do meu amigo Gorbyn ou do blogger Ricardo (que não conheço de lado nenhum mas venho lendo há tempo suficiente para perceber que nunca comeria aquele gelado com a testa...). Os adeptos do futebol, a esmagadora maioria deles, revê-se naquele Jesus. E muitos dos que estavam contra ele ontem, hoje mudaram de opinião. É assim a bola...

3. No Estoril-Porto, tivemos arbitragem & pancadaria, num 2 em 1 a fazer lembrar os "saudosos" anos 90 e personagens tão gratas quanto, por exemplo, o enorme Pedro Morcela. Para além do erro descarado no penalty que dá o 1º golo ao Estoril, tivemos barraca no festejo dos golos. Nuno Lobo (um senhor) festejou a conversão do tal penalty, Adelino Caldeira (um cavalheiro) ter-lhe-á mandado uma berlaitada, Pinto da Costa (um mister) festejou o 2º golo do FCP com o punho cerrado na tromba do Nuno Lobo, que ainda foi insultado de tudo e mais alguma coisa e apresentou queixa. Já o presidente do Estoril assistiu a tudo mas como bom zuca quer é sambar no Carnaval e não arranjar confusões. Em suma, mais uma Caldeirada dos diabos em que, estou seguro, o Sr. Adelino certamente não terá qualquer responsabilidade. Afinal, trata-se de um tipo do melhor que há.

4. No meio disto tudo, o Braga conseguiu sair do buraco para onde se dirigia alegremente com umas arbitragens bem bacanas em 3 jogos consecutivos de que ninguém fala, porque o Caldeira, o Lobo e o Jesus ocupam as parangonas e não há espaço para o Braga. Salvador e Jesualdo agradecem 2 jogos consecutivos contra 9 e aquele penalty evidente não assinalado a favor do Arouca a 10 minutos do fim do jogo. E com isto o Braga é 2º, 1 ponto atrás do FCP, e pode passar para a liderança no Sábado. Mas ninguém se lembra disto! A "sorte" que é ter como adeptos poucos milhares de gatos-pingados e não vender jornais... Veremos no Sábado como correm as coisas.

E termino dizendo que, por mim, não me importava nada de repetir o resultado conseguido em Braga na época passada!

PS: Como bem alertou o JPDB neste comentário, o Sporting não inscreveu Evaldo, Jeffren e Labyad, o que significa que nem na equipa B podem jogar. Discordo e considero incompreensível. Em particular quanto a Jeffren, que não abriu a boca desde que começou a pré-temporada, não percebo o porquê de todo este radicalismo. Estes jogadores, goste-se ou não dos seus salários, têm algo de diferente dos que lá estão e podiam dar versatilidade à equipa (no caso do Evaldo não tanto mas recorde-se que até na pré-época foi experimentado). Basta ver que nos próximos jogos, se bem percebo, o extremo alternativo a Carrillo e Wilson (Capel fica de fora 3 semanas) será... Salomão. Enfim, espero que em Janeiro se repense toda esta situação.

12 comentários:

  1. Para mim o extremo alternativo a Carrillo e Wilson é: Esgaio, Chaby ou Iuri

    ResponderEliminar
  2. Mike, se assim for, ok. Mesmo não sendo apreciador do Esgaio e considerando, pelo pouco que vi, que o Chaby não será a opção mais natural para extremo. Mas sinceramente acho que não vai ser assim.

    ResponderEliminar
  3. Assim vai o futebol(?) português: 5 pontos e nenhum incide sobre aquele assunto meio estranho relativo ao conjunto de pessoas que, dentro de um rectângulo de jogo, tenta passar a bola entre si com o objectivo de a colocar dentro de uma baliza situada no campo adversário e de evitar que o adversário faça o mesmo...

    ResponderEliminar
  4. Muito bem visto. Como tem sido habitual ninguém fala do braguinha e eles com uns erros a favor, de forma injusta, a meu ver, lá vão indo...O costume .

    ResponderEliminar
  5. Muito bem visto. Como tem sido habitual ninguém fala do braguinha e eles com uns erros a favor, de forma injusta, a meu ver, lá vão indo...O costume .

    ResponderEliminar
  6. Bem, pensava que estaria a ver mal, mas afinal não sou o único que acha que quem sai melhor deste fim de semana de futebol degradante é o Braga, que vai apanhando os restos do Porto e com isso já saltou para o 2º lugar...se tivesse seguido o caminho normal, não auguraria um bom ambiente entre salvador e jesualdo, mas os resultados lá apareceram. Desta jornada, saiu o Sporting como campeão da moralidade através de Leonardo e do presidente (que apenas vale por nos assegurarmos de que não nos metemos no mesmo esgoto em que os outros 3 andam), o braga como o verdadeiro vencedor da jornada e a clara necessidade de decidir quem dos dois - o jesus ou o adelino - ganhará a final de luta livre na categoria de dirigente ordinário. Falta ainda falar do presidente da AFL, que congratulo por dar o corpo às balas nesta luta contra o porto, nem que seja pelo facto de que se perder, não se perde grande homem...Com isto tudo, falar de futebol...zero.

    ResponderEliminar
  7. Koba, parece-me que a razão principal unica de se falar de Jeffren e Labyad foi a péssima exibição a todos os niveis do Sporting neste fim de semana. Continuo a dizer que isto é um não assunto. São maus profissionais, qual é a parte que não se entende aqui? Correm pouco, jogam pouco e não se comprometem com o grupo. Podem ser excelentes pessoas mas isso não os faz bons profissionais.
    Basta lembrarmo-nos das suas exibições...

    ResponderEliminar
  8. Quanto ao Braga, creio que não nos podemos mesmo deixar dormir. Quando chegar a altura das decisões, é muito provável que seja o Braga o nosso adversário e não os outros. E aí pode ser tarde para reagir.

    Metralha, no meu caso particular, falo desses jogadores porque o JPDB salientou que não estão inscritos. Por muito maus profissionais que sejam, considerando que lhes estamos a pagar os salários, o que ganhamos em não os inscrever?

    ResponderEliminar
  9. Koba, a mensagem na minha optica é bastante clara: "Não contamos convosco". É só isso. Tentaram colocá-los mas não quiseram, agora têm de aguentar. Não penso que o Sporting saia a perder, acho que os jogadores ate janeiro vão perceber a mensagem, quando finalmente perceberem que andar aqui a passar férias só é bom enquanto há ´mimo' exterior.
    Se o Sporting conseguiu resolver e dar soluções aos outros jogadores que seguiram carreira noutros clubes, porque raio só ficaram estes dois/três pendurados? Má vontade do Sporting apenas? Não creio...
    E dentro da meia loucura de BdC, a maior parte das vezes que fala ( alter-ego à parte) parece ser uma pessoa sensata.
    E não me esqueço destas palavras de BdC na pre-epoca: `ha jogadores que de cada vez que entram em campo desvalorizam grandemente".
    Acho que não é preciso dizer mais nada....

    ResponderEliminar
  10. Metralha, percebo a perspetiva, mas há outra: eles aguentam a situação, nós aguentamos os salários e a cada vez maior dificuldade em colocá-los.

    A seleção venezuelana, por exemplo, ponderou o Jeffren. Mas completamente parado e sem competir, sequer, na II Liga, veremos se será convocado. O mesmo se diga do Labyad, será convocado para a seleção de Marrocos se estiver parado até janeiro?

    A minha perspetiva é esta: prefiro sempre uma má solução a uma não-solução. A meu ver, estamos perante uma não-solução.

    Quanto a serem maus profissionais... Quantos e quantos disseram o ano passado que o Adrien era um mau profissional, que só jogou até renovar contrato, etc.? Infelizmente não podemos tomar o ano passado como referência, correu tudo mal demais. Isto sem deixar de reconhecer que a minha esperança no aproveitamento desses dois jogadores não seria, ainda que fossem inscritos, mais do que isso: esperança. Porque de facto os indícios não são famosos.

    Para terminar: ainda neste post elogiei BC mas essa frase que refere, a meu ver, desvaloriza muito mais um jogador do que qualquer prestação em campo que ele possa ter (quando ainda para mais sabemos perfeitamente a quem ele se refere). Mal comparado, porque não tão grave, fez lembrar o presidente do Steaua Bucareste que, depois de uns frangos do Carlos, disse que pagava a quem ficasse com ele.

    ResponderEliminar
  11. Koba, também entendo a perspectiva, mas não creio que fosse a melhor solução. Manuel fernandes tbem disse que mtos jogadores da equipa B se sentiam injustiçados por serem muito melhores que os que chegavam da A para treinar... Não sei quem terá razão, no entanto vejo isto como solução.

    ResponderEliminar
  12. Mike, confirma-se: http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=430461.

    ResponderEliminar