01/08/2013

Novidades, Casos por resolver (III), Caso Resolvido & Outros temas


1. Comecemos pelos casos por resolver, sendo que um deles passou à categoria de "Casos Resolvidos":

Boulahrouz - fala-se, novamente, do West Ham, clube que iremos defrontar no Torneio do Guadiana. Ouvi por aí 1M€ pela transferência. A ser verdade, a única pergunta que BC tem que fazer ao jogador é a seguinte: "Khalid, as malas estão prontas ou precisas de ajuda?".

Viola - confirma-se a saída para o Racing, por empréstimo. Parece que o valor pago pelo Racing foi de 450k€ e que os argentinos suportam os salários na totalidade (já li os mais diversos valores por aí referidos). Não vou repetir os meus argumentos, limito-me a remeter para aqui e dizer que, bem ou mal (na minha opinião, bem), temos um Caso Resolvido. Faltam 9, sendo que este era talvez o menos complicado de todos (jogador jovem, com potencial, com mercado e com vontade de voltar para a Argentina - basta ver as reações de euforia do jogador para perceber que também ele preferia esta solução).

Salomão - falaram-me hoje da possibilidade de colocação no Rio Ave em 13/14 (por empréstimo ou após acordo para cessação do contrato). Sinceramente, acho mal. Mas não porque não queira ver o Salomão no Rio Ave ou  noutro clube qualquer (como sabem, acho que não tem lugar em Alvalade). Simplesmente porque me parece que poderia ser uma excelente "moeda de troca" num negócio que nos interessasse, como o do Bruno Gama de que se falou há umas semanas. Mas há outras possibilidades. Por exemplo, faria mais facilmente o negócio com o Nacional da Madeira para assegurar o Candeias (mais um tema em que provavelmente estarei isolado na doutrina, bem sei). Isto, claro está, no pressuposto de que o Bruma não fica (e acredito que não fique). Para adensar a trama, A Bola refere que tanto o Salomão como o André Santos treinam com o plantel principal e só não foram apresentados porque o contrato acaba em 2014...

2. Vamos agora às novidades:

a) Patrício está entre o Monaco e o Arsenal, a crer no que refere a imprensa, que fala também do possível interesse da Fiorentina (sinceramente, não acredito que um clube italiano de média dimensão gaste 10M€ num GR, ainda para mais estrangeiro). A saída é quase certa.

b) Para além do pinga-amor Zé Love, a imprensa tem insistentemente referido os nomes de Kanu, Garry Rodrigues e Adán como possíveis reforços. A ser verdade, estamos perante 2 disparates e mais uma incógnita. Os dois disparates são, obviamente, o Kanu e o Adan. Vejamos:

- o Kanu porque, podendo estar enganado, creio que não estamos a concorrer ao Guiness Book of Records como o clube de futebol no mundo com mais centrais nos seus quadros profissionais (o FCP acaba de receber semelhante galardão ao contratar o 9º GR) - já são centrais a mais!

- o Adan porque, tendo eu sido das poucas alminhas a defender que se contratasse um GR em caso de saída do Patrício, confesso que estava à espera de uma solução mais experiente e mais em conta. O bom do Adan, convenhamos, não será barato (penso no salário) e em termos de experiência pouco acima estará do Victor Golas (sim, estou a exagerar...). Confesso-vos, eu tinha pensado num jogador que fizesse o papel do Tiago no final da carreira. Um Quim, ou um Moreira, jogador experiente, calejado e que assegurasse a baliza no caso de um azar (quem não se recorda do percurso final de Silvino no FCP?). Era essa a ideia. O Adan, sinceramente, não compreendo. Ah, e é mais um estrangeiro.

- o Garry não conheço de lado nenhum...

c) não sei se o Sporting perdeu ou não perdeu o primeiro round no caso Bruma. Entendo, aliás, que a decisão ontem noticiada não afeta a decisão final relativa à validade do contrato entre o Sporting e o Bruma. Agora, quanto ao comunicado de ontem, só acredita naquilo quem quer muito acreditar. OK, eu reformulo: um jurista só acredita naquilo se quiser muito acreditar. Aos demais mortais dou o benefício da dúvida, porque não são obrigados a saber que aquilo não tem ponta por onde se lhe pegue... Não é particularmente grave porque nada nos diz quanto ao desfecho do caso Bruma, mas de facto só é possível em estado de graça, noutra qualquer fase seria objeto de todo o tipo de deboche.

3. Uma nota adicional quanto ao Gerson Magrão, no seguimento desta interessante discussão. O jogador que defendo, pelo menos desde Abril, como essencial no nosso MC é, obviamente, um titular indiscutível. Como disse num animado debate desta manhã, estava a pensar num Enzo, num Viana, num Duscher, num Rochemback magro, num Elias com vontade de correr (dei outro exemplo mas não o posso repetir publicamente sob pena de ser sujeito a apedrejamento virtual). Mas como disse no debate no A Norte de Alvalade, se houver na equipa B jogadores prontos a pegar de estaca na posição 8, fazendo um papel todo-o-terreno e trazendo à equipa algo que, a meu ver, só um Adrien em grande pode dar, não se justifica a contratação do brasileiro.

4. Old habits die hard, caro Jorge Nuno... Este menino, simplesmente, nunca gostou de fazer a pré-temporada. É que aquilo é uma tremenda duma chatice, e corre para aqui, e sprinta para ali, e estão 35º... É verdade que nos deram uma lição com as primeiras aulas de Português desde que está em Portugal, mas folgo em saber que nem a implacável "estrutura" portista conseguiu convencer este russo a correr todos os dias da pré-época.

5. Depois de Esgaio, João Mário, William e Wilson, são agora renovados os contratos com Chaby e Ponde. Enquanto se prepara, e bem, o futuro, espero que não se descure o presente. O futebol é o momento.

2 comentários:

  1. Koba,

    1- O Boulharouz pelo seu percurso talvez seja o de colocação mais fácil.

    2- Viola denotou alivio por sair, mas também que terá sido mais empurrado do que outra coisa.No final foi correcto com o clube:
    http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=418778

    Salomão: é uma solução a troca falta saber se o querem...

    Patricio: pelo que se vê hoje na bola talvez não haja mesmo é... propostas.

    Kanu será para o lugar do Rojo.

    Concordo com a análise ao Adan. Será que é mesmo o Sporting que o quer? E talvez não seja exagero nenhum, o Golas deve ter mais ou menos o mesmo tempo de jogo.

    O caso Bruna será sempre apresentado como uma vitória: Se ficar, claro. Se for não cedemos ao empresário, o jogador é tolo e o próximo Paim e a culpa é do Godinho. Win/win situation

    Sobre o caso Magrão já debatemos o suficiente, os jogos recentes vão dando algum ar nas minhas velas ;)

    O Izmailov só devia ser noticia quando treinasse e jogasse com regularidade.

    Falta o Betinho nesse rol de renovações que temos que saudar sem deixar de perguntar o que aconteceu ao Illori. Será que isto é mesmo verdade:

    http://www.noticias-do-futebol.com/content/bruno-de-carvalho-castigou-ilori

    E, se possível, repare nos comentários...

    Abraço

    ResponderEliminar
  2. LdA,

    O Viola veio dar razão ao Cantinho e ao Metralha quando diziam que seria uma boa opção para extremo. O rapaz hoje diz no Record que aí é que gostaria de jogar. Uma vez que ficámos sem o Bruma e não temos dinheiro para mandar cantar um cego, admito que me possa ter precipitado e tenha que rever a minha posição sobre o Viola (mas se o ordenado são 750k... enfim, tenho dúvidas).

    Quanto ao Kanu... Para o lugar do Rojo, talvez fosse bom que se concentrassem no Ilori em vez de andar à procura de centrais pelo mundo fora. Se não houver Rojo + Ilori, conseguirei perceber a contratação. Mas conviria ponderar, ainda assim, se o Kanu é melhor do que o Nuno Reis.

    Claro que BC tentará virar o caso Bruma numa grande vitória no caso de o perdermos; mas esse discurso só servirá para alegrar os acríticos (para não dizer acéfalos). E BC sabe-o. Ele sabe que será uma derrota pesada. Tentará virá-la em termos de discurso para não perder o elan do momento. Mas BC também sabe que só dura até termos outro Bruma qualquer (não serão inocentes estas renovações todas a 5 anos). Não me canso de o dizer: se perdermos, ou ganharmos mas a indemnização for baixa, conseguiram transformar o caso Bruma no exemplo oposto ao que queriam ter!

    Magrão: depois dos últimos jogos, Lda 1 - Koba 0 (e ainda há o João Mário, supostamente + experiente do que, por exemplo, o Chaby)

    Faltou o Betinho, o Mica e o Luís Ribeiro. Quanto ao castigo, a ser verdade, não gosto da estratégia, mas percebo o objetivo. Com o Bruma nunca percebi o objetivo da estratégia, sinceramente. Com este percebo. Não gosto, não concordo, mas pelo menos percebo.

    Não consegui ler os comentários mas sou o típico info-excluído que nem percebe onde é que eles estão :)

    Abraço

    ResponderEliminar