23/10/2012

Valeu o Barcelona...

Não tive oportunidade de ver o jogo todo, apenas os 25 minutos finais. Com um jogo a começar às 17h, não deu para mais. Deixei a gravar com o objectivo de rever ao final do dia mas depois de todos os comentários que fui lendo, perdi a vontade. A verdade é que não me admirou minimamente. A fantástica decisão de ir jogar a Moscovo com dois avançados não perspectivava outro desfecho...

Do que vi, deu para perceber que o Spartak está perfeitamente ao alcance de um Benfica bem montado. Tivesse jogado apenas com Lima na frente, com Bruno César no meio e Gaitán no lado esquerdo e provavelmente o empate teria sido o pior dos resultados possíveis. Só que o mestre da táctica lá deu mais uma lição. E o ar sereno que mostrava enquanto a equipa estava em desvantagem só reforçava mais esta característica de Jesus. Enérgico, histérico e quase com vontade para saltar dentro de campo para dar um puxão de orelhas num jogador da equipa, só quando está a ganhar... E o golpe de génio esteve mesmo quase a sair com aquela substituição de Matic por Ola John nos minutos finais. Meu Deus, era de génio! Seria aquela decisão que ninguém esperava e que num volta-face do outro mundo, daria o empate ao Benfica e provaria a genialidade de Jesus. Não deu... Foi apenas mais uma decisão que desafia qualquer lógica.


Pelo que percebo, vi a única parte do jogo em que houve Benfica. Podíamos ter marcado por Salvio e por Lima, mas falhámos. Gostei de ver a raça a defender de Enzo e os vários desequilíbrios que conseguiu provocar a atacar. Gaitán também mostrava ser dos poucos capaz de colocar a bola no chão e jogar com qualidade. Por outro lado, um Melgarejo pior que sofrível e um Cardozo que não é capaz de correr para a baliza quando recebe um passe a isolar.

Com a surpresa quase a acontecer em Barcelona, esteve praticamente à vista a eliminação do Benfica ainda na primeira volta desta fase de grupos. Valeu o golo de Alba nos minutos finais, colocando a normalidade necessária no outro jogo e o Benfica ainda com possibilidades de passar caso vença os dois jogos em casa. É triste mas é isto...


2 comentários:

  1. Como não viste o jogo, eu faço-te um resumo do que jogámos: nada. Aliás, comparado com o que apresentámos ontem, o futebol do sporting é fenomenal!!!

    Batemos no fundo, o sporting já por lá anda e quem se continua a rir são os de sempre.
    Sexta, voto Rangel. Não tanto pelos seus méritos, mas porque quero ver esta corja para sempre afastado do meu Clube. Não quero uma Direcção que faça, como esta tem feito, a apologia do benfiquinha que se contenta com taças da cerveja.

    Uma curiosidade:
    Se Rangel for eleito, será para 4 anos. Ora bem, para ter mais sucesso desportivo que o Querido Lider teve nos seus primeiros 4 anos, sabes quantos campeonatos precisa de ganhar? 1. Quantas Taças de Portugal? 1. Quantas Supertaças? 1.

    ResponderEliminar
  2. Pois, foi exactamente esse o feedback que fui recebendo. No entanto, apesar de perceber e partilhar a frustração, estamos longe de bater no fundo. Ainda tenho bem presente quando atingimos um nível bastante inferior.

    Quanto às eleições... vou tentar explicar a minha posição num post.

    Abraço

    ResponderEliminar