30/08/2012

El Conejo

Javier Saviola está de saída para o Málaga. Pelo que se percebe, a custo zero, o que significa que a estratégia de renovar o contrato para tentar um encaixe financeiro não terá resultado. Pelo menos consegue-se uma poupança significativa em salários por um jogador que estava longe de ser titular.


Depois de, na época em que chegou à Luz, ter sido um dos elementos fundamentais na conquista do título, com golos e assistências importantíssimos e a fazer uma excelente dupla de ataque com Cardozo, o pequeno argentino simplesmente eclipsou-se. Não deu para perceber muito bem o que esteve na origem deste fenómeno. Durante muitos jogos, parecia que a única motivação deste jogador era fazer túneis aos adversários. Não sei se foi a alteração na forma de jogar da equipa (pelo recurso a extremos nas duas alas), ou a entrada numa fase descendente da carreira ou a discutida tendência de apenas realizar boas temporadas no primeiro ano de contrato em cada novo clube. A verdade, é que a época passada já foi uma temporada a mais no Benfica, com um retorno desportivo francamente reduzido. Pior ainda, era mais uma razão para Jesus apostar num sistema com dois avançados em detrimento de um meio-campo mais povoado.


No entanto, não posso deixar de agradecer todas as alegrias que este avançado deu aos benfiquistas e desejar que volte a fazer uma grande primeira época, desta vez no Málaga. Nunca vou esquecer quando, na bancada do Restelo, vi Saviola fazer uma arrancada do meio campo que só terminou com a bola dentro da baliza ou a explosão que proporcionou ao marcar o golo ao Porto no ano do campeonato.



PS - Alguém percebeu as notícias de ontem à noite quando, depois de anunciarem a saída de Saviola para o Málaga, se ouviu que LFV tinha dado ordens para interromper o processo, de modo a pressionar o acordo por Eliseu? Isto depois do jogador já se ter despedido dos colegas? Quer isto dizer que não há uma estratégia concertada entre presidente e os responsáveis pela gestão do plantel ou foi apenas uma manobra de negociação (não sei se bem ou mal sucedida)?



2 comentários:

  1. Curiosa a tua analise.
    Eu sou do tempo em que acompanhava o futebol argentino por causa do Saviola e do Aimar e a pensar como seriam esses jogadores no nosso Clube.
    Eu sou do tempo em que me deliciava a observar as jogadas e desmarcações do Xavier Saviola no Barcelona. Eu sou do tempo em que me deliciava a observar as jogadas e desmarcações do Xavier Saviola no Monaco e no Sevilha. Eu sou do tempo em que me deliciava a observar as jogadas e desmarcações do Xavier Saviola no Real Madrid.
    E acabei por ver ambos a jogarem esse futebol no nosso Estádio.
    O que eu nunca entendi foi a razão do Xavier Saviola ser um jogador excepcional no primeiro ano do contrato, mediano no segundo e dececionante no terceiro. Assim foi no Baecelona, no Real Madrid e no SLBenfica. Fico na expectativa sobre o que vai acontecer no Malaga. ass Eduardo

    ResponderEliminar
  2. Bem assinalado caro Eduardo! As tabelinhas Aimar-Saviola, em que parecia que podiam continuar as jogadas mesmo que os holofotes fossem abaixo, eram verdadeiras ofertas para todos os que gostam de futebol!

    ResponderEliminar