19/05/2012

Champions: Salvar a época numa final?

Hoje a noite Bayern Munique e Chelsea tentam salvar uma época que se revelou dramática para ambos nos seus respectivos campeonatos. O Chelsea nem chegou a prometer e foi preciso a saída de AVB para que os principais jogadores e principais figuras do balneário quisessem voltar a jogar. O Bayern, apesar de ter uma boa equipa, com bons jogadores e um treinador que ganha em todos os países por onde passou (menos no Benfica) não foi capaz de bater um Borussia Dortmund demolidor (não me consigo lembrar de um nome de um jogador deles, muito menos do treinador – sei que têm lá um japonês) que o derrotou no jogo decisivo a poucas jornadas do final e o humilhou na final da Taça da semana passada.

Mas se estão na Final da Champions é por algum motivo...  

Chelsea elimina o Mega Barcelona com um futebol tão defensivo que dava dó. E sono... Mas tenho de valorizar a capacidade de suster um Barça em Camp Nou a jogar com menos 1 e de recuperar para um 2-2 depois de estar a perder por 2 na cidade condal. Destaque para um Ramires em grande, para orgulho e frustração dos adeptos encarnados (nunca mais tiveram um jogador que jogue com qualidade pelo lado direito do ataque); e ainda para Raul Meireles, decisivo no equilíbrio do meio campo blue e Juan Mata que se revelou muito importante no sector mais frágil da equipa: o meio campo ofensivo/ataque.

Os de Chelsea partem claramente como underdogs, não só pelo factor casa favorável aos alemães mas principalmente porque não jogam nada. Ainda para mais co malgumas das principais figuras castigadas (Raul Meireles, John Terry, Ivanovic e Ramires... ) parece ser uma tarefa inglória.

O Bayern derrota um extenuado e Galáctico Real Madrid que, apesar de ter Ronaldo e Ozil em grande não tiveram equipa para eliminar os organizados alemães. Essa é a grande força dos de Munique: a equipa. Correm que se fartam, têm 12 a 13 jogadores a lutar pela titularidade e nomes de peso do futebol mundial como Ribery, Robben, Neuer (não me esqueço do jogo que fez pelo Shalke contra o Porto); Gomez  e Muller. Não são brilhantes, são fiáveis.

Mas ganhar uma Champions é muito mais do que salvar uma época, é ficar na história do futebol! É o concretizar do velho sonho de Abramovich, que Mourinho e seguintes nunca conseguiram, apesar dos mais de 730M€ em contratações gastos desde que tomou conta dos destinos da equipa do bairro de Londres. Para os alemães é ganhar a 5 Champions e colar a Liverpool no 3º lugar do ranking da prova.

Que seja uma boa final!
E pegando na linha de pensamento do Koba no seu Balanço da Época: Que ganhem os menos maus...
PS 1:Em paralelo podemos colocar a final da Taça de Portugal que amanhã se joga no Jamor. Duas equipas que querem salvar uma época. A Académica já pode ter salvo com esta presença mas para o Sporting perder esta final é ficar mais um ano em branco...
Vou estar pelos estudantes. Mas esta final para mim tem tanto interesse como um Desportivo de Chaves – União da Madeira.

PS 2 : o quê??? O árbitro é o Pedro Proença? o Calheiros não estava disponível é? Ou o José Pratas, o melhor árbitro a correr de costas? Pois é... para a maioria dos que estão a ler estas linhas, a escolha deste árbitro é uma vergonha depois do seu último jogo na Luz; para outros é um murro no estômago  ; para mim é completamente indiferente. Pessoalmente não gosto do estilo de Proença mas tenho de admitir que é o melhor árbitro português da actualidade. Um orgulho para os portugueses. Agora... espero que não faça asneiras ou se lesione, pois aposto que o 4º árbitro será o Olegário Benquerença e assim é que 6 Milhões de Tvs se vão desligar. É mau para as audiências...


Sem comentários:

Enviar um comentário